ago.14
14

8 JÊNIOS da ciência que morreram com suas invenções

comentários 0 ns.buzz

8 inventores que morreram testando as sua invenções tentando provar pro mundo que eles estavam certos e todo o resto errado, mas acabaram falhando miseravelmente como a giovana falhou ao segurar o forninho.


Fleuss e o respirador de oxigênio puro

Fleuss

Fleuss foi o inventor de um respirador de mergulho que utilizava oxigenio no lugar de ar comprimido. Em 1876 ele realizou o primeiro teste sério, sem saber que o oxigenio puro pode ser pior que fumar crack com a sua mãe, ele se vestiu de vilão do jaspion e mergulhou cerca de 30 metros em alto mar, a pressão da água naquela profundidade fez com que os atomos de O2 se tornassem toxicos causando a sua morte. Uma morte em um traje diferenciado, mas mesmo assim uma morte.

Midgley e o sistema de cordas e roldanas da sua cama

thomas-midgley

Esse cara quase fez um combo de invenções que só serviram pra sua auto-destruição. O Midgley era um defensor do uso de chumbo na gasolina. Após se envenenar por ter ficado tanto tempo da sua vida exposto a elementos prejudiciais ele perdeu boa parte dos seus movimentos. Resumindo sua vida a se mexer com a velocidade de uma minhoca manca, e não cansado de ser incompetente, o cientista criou uma cama usando umas cordas e roldanas que facilitavam a vida de quem ia ajudar ele a se levantar, um dia uma das cordas acabou virando uma forca por acidente, matando ‘definitivamente’ o Sr Midgley por asfixia… PQP.

Reichelt e o traje paraquedas

Franz-Reichelt

Reichelt era um sonhador, ele tinha um sério amor por voar, passou a vida dedicando seus estudos em alfaiataria pra desenvolver uma roupa que funcionasse mais ou menos como um paraquedas e permitisse que ele planasse até o chão, tipo o Batman.
Como local do seu teste ele escolheu a Torre Eiffel, em Paris… Depois de dibrar, diblar, dibrar, dribrar, enfim…a segurança mentindo que jogaria um de seus manequins, ele vestiu a roupa voadora e pulou de uma das bases da torre direto para o sucesso!! Mas não rolou.

Eu consigo fazer melhor com um comandos em ação e uma sacola, tinha bastante gente no local querendo ver se ele ia conseguir, inclusive o acontecido foi registrado e mostra o momento exato em que o Reichelt afunda a cara quase meio metro pra dentro da terra… Sim, a marca do corpo dele ficou desenhada no chão igual desenho animado.

Henry Winstanley e o teste do farol

Henry-Winstanley

O Henry era um famoso projetista de faróis maritimos, daqueles que ficam nas encostas com luzes pra avisar os navios sobre a proximidade da terra. Depois de ter um de seus projetos questionados ele decidiu provar que o farol era totalmente seguro, passando uma noite nele durante uma forte tempestade.

Naquela noite o farol foi totalmente destruido pelas ondas e o vento, o Henry morreu e levou 5 ajudantes com ele. Aí finalmente tiveram a prova de que realmente não era seguro. Dai que ficou o nobre ensinamento de q vc pode testar a resistencia das coisas sem ficar dentro delas.

Obs: Estudos dizem que mortes por queda de faróis ocupam a 326ª posição no ranking de mortes mais comuns no mundo todo. Conte para seus amigos no bar e ganhe um tapa na nuca.

Valerian Abakovsky e o trem de alta velocidade

Valerian-Abakovsky

Esse Abakovsky foi o responsável por desenvolver um trem de alta velocidade, aí vc me pergunta “mas como assim de alta velocidade? ja existe isso os chineses fazem 8 desse por segundo”, aí que tá, ele criou um trem movido com uma turbina de avião. Era tipo um avião sem asa e fogueira sem brasa, o problema é que ele não mediu exatamente a força da turbina pra que o trem continuasse no trilho. Em uma curva rápida demais o trem illuminati avião turbinado do Abakovsky descarrilou matando todo mundo a bordo, mais ou menos 6 pessoas. Boa Abakovsky, boa.

Ismail ibn Hammad al-Jawhari e as asas de madeira

Ismail-ibn-Hammad-al-Jawhari

Só de tentar pronunciar “Ismail ibn Hammad al-Jawhari” meu cerebro já deu tilt, é impossível… agora eu entendo pq o povo árabe tem essa fama de maluco. Como falar esse nome é meio complicado vamos chamar ele de Wanderlei, então, o Wanderlei era muito conhecido por ter participado com força do movimento de literatura da época.

Maaaaas, ele era um sonhador, numa noite o nosso amigo Wanderlei subiu no teto de uma paróquia, vestiu um par de asas de madeira sustentados por cordas e pulou. Ele planou por alguns segundos de cabeça em direção ao chão e não resistiu. Ao contrário do fera da Torre Eiffel, o Wanderlei não fez uma cratera na terra no formato do seu corpo. Pelo menos isso.

Soucek e o barril à prova de choque

karel-Soucek

O Soucek foi um revolucionário, sério, ele criou um barril gigante que era totalmente a prova de choque. Pra que que ele fez isso? Pra saltar das cataratas do Niagara. Depois de testar uma vez e obter exito saindo sem muitos machucados, ele convenceu uma empresa a patrocinar uma queda com o barril em um estadio de futebol americano.

Naquele dia tava tudo calculado, o barril cairia de uma altura de 55 metros direto em uma piscina, isso se não tivesse desviado no ar e caido no chão. O Soucek quebrou a coluna, perfurou os rins, fraturou os braços e arranhou bastante o barril morrendo algumas horas depois. Coitado do barril.

A maldição do Segway maldito

Otto-Lilienthal

Esse não é exatamente o criador, mas vale pela historia bizarra. Em 2010 a Segway Inc., fabricante do sistema de transporte pessoal Segway, foi vendida para o milionário britânico William James “Jimi” Heselden; contudo, o seu tempo à frente da companhia foi muito breve. William Heselden, móóórreu ao cair num rio durante um passeio de Segway e, não ter previsto que o seu produtor deveria ter vindo com salva vidas embutido para situações como essa. Na verdade ele não caiu só de um rio…ele voou de um penhasco que terminava o pouso em um rio, o que aparentemente não ajudou mto em amortecer a queda.


Mais um post de curiosidades aqui no Não Salvo pra vc que acha que esse blog é só de bizarrices…pera… essas mortes são bizaras na verdade… UHAUHAUHAUHA… Aproveitando que bastante gente curtiu o ultimo sobre 12 métodos de tortura pra você NÃO usar nos seus amiguinhos, mais uma listinha de curiosidades curiosas.

O que aprendemos com essa lista hoje?

Primeiro – Que os desenhos animados não são lá tão mentirosos assim.
Segundo – Que se vc não tem nada pra fazer, ficar sabendo de curiosidades assim sempre ajuda a matar o tempo e pode servir de pauta até em conversa de bêbado.
Terceiro – que pra ter uma lista de “coisas que aprendemos” é necessário pelo menos 3 topicos se não o artigo não passa credibilidade nenhuma.

Deixamos aqui um aviso pras pessoas que desejam inventar coisas que podem te fazer cair de uma altura fatal:  Não façam isso.

ns.buzz
0
Atenção! Os comentários do blog são via Facebook, se quiser gritar algo, esteja logado! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e agora a porra ficou séria: comentários racistas, homofóbicos e filhos da puta sem costume em geral poderão ser denunciados por outros usuáros e você perderá sua conta ou será caçado por aborígines comedores de ânus (sim, qualquer uma das opções pode acontecer).
ago.14
14

8 JÊNIOS da ciência que morreram com suas invenções

comentários 0 ns.buzz

8 inventores que morreram testando as sua invenções tentando provar pro mundo que eles estavam certos e todo o resto errado, mas acabaram falhando miseravelmente como a giovana falhou ao segurar o forninho.


Fleuss e o respirador de oxigênio puro

Fleuss

Fleuss foi o inventor de um respirador de mergulho que utilizava oxigenio no lugar de ar comprimido. Em 1876 ele realizou o primeiro teste sério, sem saber que o oxigenio puro pode ser pior que fumar crack com a sua mãe, ele se vestiu de vilão do jaspion e mergulhou cerca de 30 metros em alto mar, a pressão da água naquela profundidade fez com que os atomos de O2 se tornassem toxicos causando a sua morte. Uma morte em um traje diferenciado, mas mesmo assim uma morte.

Midgley e o sistema de cordas e roldanas da sua cama

thomas-midgley

Esse cara quase fez um combo de invenções que só serviram pra sua auto-destruição. O Midgley era um defensor do uso de chumbo na gasolina. Após se envenenar por ter ficado tanto tempo da sua vida exposto a elementos prejudiciais ele perdeu boa parte dos seus movimentos. Resumindo sua vida a se mexer com a velocidade de uma minhoca manca, e não cansado de ser incompetente, o cientista criou uma cama usando umas cordas e roldanas que facilitavam a vida de quem ia ajudar ele a se levantar, um dia uma das cordas acabou virando uma forca por acidente, matando ‘definitivamente’ o Sr Midgley por asfixia… PQP.

Reichelt e o traje paraquedas

Franz-Reichelt

Reichelt era um sonhador, ele tinha um sério amor por voar, passou a vida dedicando seus estudos em alfaiataria pra desenvolver uma roupa que funcionasse mais ou menos como um paraquedas e permitisse que ele planasse até o chão, tipo o Batman.
Como local do seu teste ele escolheu a Torre Eiffel, em Paris… Depois de dibrar, diblar, dibrar, dribrar, enfim…a segurança mentindo que jogaria um de seus manequins, ele vestiu a roupa voadora e pulou de uma das bases da torre direto para o sucesso!! Mas não rolou.

Eu consigo fazer melhor com um comandos em ação e uma sacola, tinha bastante gente no local querendo ver se ele ia conseguir, inclusive o acontecido foi registrado e mostra o momento exato em que o Reichelt afunda a cara quase meio metro pra dentro da terra… Sim, a marca do corpo dele ficou desenhada no chão igual desenho animado.

Henry Winstanley e o teste do farol

Henry-Winstanley

O Henry era um famoso projetista de faróis maritimos, daqueles que ficam nas encostas com luzes pra avisar os navios sobre a proximidade da terra. Depois de ter um de seus projetos questionados ele decidiu provar que o farol era totalmente seguro, passando uma noite nele durante uma forte tempestade.

Naquela noite o farol foi totalmente destruido pelas ondas e o vento, o Henry morreu e levou 5 ajudantes com ele. Aí finalmente tiveram a prova de que realmente não era seguro. Dai que ficou o nobre ensinamento de q vc pode testar a resistencia das coisas sem ficar dentro delas.

Obs: Estudos dizem que mortes por queda de faróis ocupam a 326ª posição no ranking de mortes mais comuns no mundo todo. Conte para seus amigos no bar e ganhe um tapa na nuca.

Valerian Abakovsky e o trem de alta velocidade

Valerian-Abakovsky

Esse Abakovsky foi o responsável por desenvolver um trem de alta velocidade, aí vc me pergunta “mas como assim de alta velocidade? ja existe isso os chineses fazem 8 desse por segundo”, aí que tá, ele criou um trem movido com uma turbina de avião. Era tipo um avião sem asa e fogueira sem brasa, o problema é que ele não mediu exatamente a força da turbina pra que o trem continuasse no trilho. Em uma curva rápida demais o trem illuminati avião turbinado do Abakovsky descarrilou matando todo mundo a bordo, mais ou menos 6 pessoas. Boa Abakovsky, boa.

Ismail ibn Hammad al-Jawhari e as asas de madeira

Ismail-ibn-Hammad-al-Jawhari

Só de tentar pronunciar “Ismail ibn Hammad al-Jawhari” meu cerebro já deu tilt, é impossível… agora eu entendo pq o povo árabe tem essa fama de maluco. Como falar esse nome é meio complicado vamos chamar ele de Wanderlei, então, o Wanderlei era muito conhecido por ter participado com força do movimento de literatura da época.

Maaaaas, ele era um sonhador, numa noite o nosso amigo Wanderlei subiu no teto de uma paróquia, vestiu um par de asas de madeira sustentados por cordas e pulou. Ele planou por alguns segundos de cabeça em direção ao chão e não resistiu. Ao contrário do fera da Torre Eiffel, o Wanderlei não fez uma cratera na terra no formato do seu corpo. Pelo menos isso.

Soucek e o barril à prova de choque

karel-Soucek

O Soucek foi um revolucionário, sério, ele criou um barril gigante que era totalmente a prova de choque. Pra que que ele fez isso? Pra saltar das cataratas do Niagara. Depois de testar uma vez e obter exito saindo sem muitos machucados, ele convenceu uma empresa a patrocinar uma queda com o barril em um estadio de futebol americano.

Naquele dia tava tudo calculado, o barril cairia de uma altura de 55 metros direto em uma piscina, isso se não tivesse desviado no ar e caido no chão. O Soucek quebrou a coluna, perfurou os rins, fraturou os braços e arranhou bastante o barril morrendo algumas horas depois. Coitado do barril.

A maldição do Segway maldito

Otto-Lilienthal

Esse não é exatamente o criador, mas vale pela historia bizarra. Em 2010 a Segway Inc., fabricante do sistema de transporte pessoal Segway, foi vendida para o milionário britânico William James “Jimi” Heselden; contudo, o seu tempo à frente da companhia foi muito breve. William Heselden, móóórreu ao cair num rio durante um passeio de Segway e, não ter previsto que o seu produtor deveria ter vindo com salva vidas embutido para situações como essa. Na verdade ele não caiu só de um rio…ele voou de um penhasco que terminava o pouso em um rio, o que aparentemente não ajudou mto em amortecer a queda.


Mais um post de curiosidades aqui no Não Salvo pra vc que acha que esse blog é só de bizarrices…pera… essas mortes são bizaras na verdade… UHAUHAUHAUHA… Aproveitando que bastante gente curtiu o ultimo sobre 12 métodos de tortura pra você NÃO usar nos seus amiguinhos, mais uma listinha de curiosidades curiosas.

O que aprendemos com essa lista hoje?

Primeiro – Que os desenhos animados não são lá tão mentirosos assim.
Segundo – Que se vc não tem nada pra fazer, ficar sabendo de curiosidades assim sempre ajuda a matar o tempo e pode servir de pauta até em conversa de bêbado.
Terceiro – que pra ter uma lista de “coisas que aprendemos” é necessário pelo menos 3 topicos se não o artigo não passa credibilidade nenhuma.

Deixamos aqui um aviso pras pessoas que desejam inventar coisas que podem te fazer cair de uma altura fatal:  Não façam isso.

ns.buzz
0
  • TUTORIAL: Como descobrir os segredos de alguém no app Secret
  • 12 métodos de tortura pra você NÃO usar nos seus amiguinhos
  • 7 Evidências CLARAS que comprovam que a Copa do Mundo esta comprada
  • Gangue Hue hue hue
  • Como estão os participantes da novela Carrossel hoje em dia
Atenção! Os comentários do blog são via Facebook, se quiser gritar algo, esteja logado! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e agora a porra ficou séria: comentários racistas, homofóbicos e filhos da puta sem costume em geral poderão ser denunciados por outros usuáros e você perderá sua conta ou será caçado por aborígines comedores de ânus (sim, qualquer uma das opções pode acontecer).