set.13
02

Casos de Facebook: Queria saber como era o umbigo da pretendente gravida

comentários 0 ns.buzz

Peregrinando pelo Jesus Malaco vi uma das conversas mais doentias do Facebook, o que certamente daria um otimo “Casos de Facebook” para a ja tradicional analise dos nossos psicólogos de plantão huahuahuahu

Se vc perdeu nossos “Casos” anteriores, retoma a sequencia do pente pra ja ficar calibrado pra essa. Vai abrindo as abas ae!
– Tentei trair minha namorada mas depois fiz um bolinho
– Meu ex deu ré no kibe do meu atual
– Minha irmã perebenta usa minhas calcinhas

Cada dia essa rede social esta melhor…

ns.buzz
0
Atenção! Os comentários do blog são via Facebook, se quiser gritar algo, esteja logado! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e agora a porra ficou séria: comentários racistas, homofóbicos e filhos da puta sem costume em geral poderão ser denunciados por outros usuáros e você perderá sua conta ou será caçado por aborígines comedores de ânus (sim, qualquer uma das opções pode acontecer).
set.13
02

Casos de Facebook: Queria saber como era o umbigo da pretendente gravida

comentários 0 ns.buzz

Peregrinando pelo Jesus Malaco vi uma das conversas mais doentias do Facebook, o que certamente daria um otimo “Casos de Facebook” para a ja tradicional analise dos nossos psicólogos de plantão huahuahuahu

Se vc perdeu nossos “Casos” anteriores, retoma a sequencia do pente pra ja ficar calibrado pra essa. Vai abrindo as abas ae!
– Tentei trair minha namorada mas depois fiz um bolinho
– Meu ex deu ré no kibe do meu atual
– Minha irmã perebenta usa minhas calcinhas

Cada dia essa rede social esta melhor…

ns.buzz
0
  • A performance da Miss Gay de Pangkalawakan merece um ouro olimpico
  • 7 Cestas de Dia dos Namorados pro Mozão não te esquecer
  • 5 Game Shows Japoneses para recriar quando estiver bêbado com os amigos
  • 21 eleitores que passaram um pooouco do ponto nessas eleições
  • Um dia eu quero fazer churrasco na 'Brasiliasqueira'
  • A palestra de 23 segundos que mudará toda uma geração
Atenção! Os comentários do blog são via Facebook, se quiser gritar algo, esteja logado! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e agora a porra ficou séria: comentários racistas, homofóbicos e filhos da puta sem costume em geral poderão ser denunciados por outros usuáros e você perderá sua conta ou será caçado por aborígines comedores de ânus (sim, qualquer uma das opções pode acontecer).